FLORES DO MEU JARDIM- ECSÓRIA OU IXORA

0
ECSÓRIA-FLORES DO MEU JARDIM

Ecsória



Classifica científica

Nome cientifico
: Ixora Coccinoa
Nome popular: Ixora, Icsória ou Ecsória
Família: Rubiácea
Origem :Índia Orientais e Malásia
Ciclo de vida: Perene.
Divisão: Angiospermas



Descrição: Arbusto de altura até 2,0 metros, muito ramificado, forma compacta, de ramos lenhosos a semilenhosos, folhas grandes ovais acuminadas, cor verde-escuras, coriáceas e brilhantes, quase sem pecíolo, inseridas opostas duas a duas.
Suas flores são tubulares, pequenas e sem perfume, de pétalas arredondadas, reunidas em corimbo globoso, nas cores creme, rosa, laranja e vermelha nas pontas dos ramos. Floresce praticamente o ano todo.
Há inúmeras espécies de ixora e muitos híbridos, a maioria de origem asiática.
Pelo seu alto porte pode ser usada para grandes maciços. Encontramos também a variedade anã que só se desenvolve bem em regiões mais quentes e que pode servir para bordadura de canteiros. Todas as espécies de ixora atraem borboletas.

Forma de cultivo

Onde e Como Plantar: Esta é uma planta que necessita ser cultivada a pleno sol, ou no máximo com sombra parcial de árvores maiores, mas de forma que ainda sim receba bastante luz durante o dia, logo, ao planejar seu plantio, observe bem as condições de iluminação do lugar.Na hora do plantio, lembre-se de deixar alguns palmos de distancia entre as mudas caso estiver compondo uma cerca viva, se elas ficarem extremamente juntas poderão prejudicar-se mutuamente competindo por espaço. Faça covas maiores que o torrão da planta, de modo a poder colocar a mistura de solo e adubo tanto no fundo das covas, quanto em volta dos torrões
.
Como Cuidar: As regas devem ser diárias, principalmente quando a planta for jovem, porém sem nunca encharcá-la. Quando a planta estiver mais crescida você poderá fazer a rega em dias alternados durante as épocas em que o solo demora mais para secar, como no frio.
Lembre-se de promover podas de formação frequentemente se você pretende moldar a planta de alguma forma específica, sempre com todos os cuidados necessário quanto a qualidade dos instrumentos usados e removendo sempre os ramos certos. Aplique a cada alguns meses um pouco de adubo orgânico sobre o solo para mantê-lo fértil, além de NPK rico em fósforo para estimular uma maior floração.



Curiosidade:A ixora foi introduzida no Brasil em 1809, por D. João VI que, durante a invasão do Guiana Francesa, contratou o agrônomo Paul Germain para trabalhar no Horto Real de Pernambuco. Esse agrônomo trouxe várias espécies vegetais que eram cultivadas pelos franceses, em Caiena, sendo uma delas a Ixora coccinea. Essa planta rapidamente se adaptou às condições climáticas brasileiras, sobretudo das regiões Norte e Nordeste, onde possui rápido desenvolvimento e permanece florida por boa parte do ano



0 comentários: